quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Congressos Gerais e Cultos Dominicais Evangélicos

Se a adoração a Deus e a ministração da Palavra em muitos dos nossos cultos dominicais não conseguem ser tão fervorosos como em nossos congressos, há algo a ser repensado em nossa liturgia, ou em nossa disposição mental e espiritual para cultuar.
Os congressos costumam ser eventos empolgantes, enquanto muitos cultos dominicais costumam ser reuniões enfadonhas.
Os congressos costumam ter expressões de adoração espontâneas, enquanto em muitos cultos dominicais a participação no louvor é um ato meramente mecânico.
Os congressos costumam ter tempo para a pregação bíblica, vibrante e edificante, enquanto em muitos cultos dominicais nem pregação se tem.
Os congressos costumam ser aguardados com grande expectativa, enquanto muitos cultos dominicais não provocam entusiasmo algum.
Os congressos costumam ter manifestações livres e poderosas do Espírito, enquanto em muitos cultos dominicais o Espírito é refém de uma liturgia formal.
Que os nossos cultos dominicais se tornem congressos semanais plenos de adoração, da Palavra e do poder do Espírito, para a glória de Deus!

Nenhum comentário: