quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

A Continuidade dos Dons Espirituais em 1 Coríntios 14


"Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas." (1Co 14.39)

Os verbos gregos "procurar" (ζηλοῦτε, zeloute) e "proibir" (κωλύετε, kolyete) se encontram  no presente texto no modo imperativo, no tempo presente e na voz ativa. Isso significa que o dom de profetizar deve ser procurado ou buscado continuamente pela igreja, e o falar em línguas deve ser sempre permitido.

A igreja recebe as orientações de Paulo sobre a administração dos dons de profetizar e de falar em línguas no presente capítulo.

Em 1 Coríntios 14.1, somos (voz ativa) ordenados (modo imperativo) a procurar (ζηλοῦτε, zeloute) continuamente (tempo presente) os dons espirituais.

No versículo 12, somos (voz ativa) ordenados (modo imperativo) a procurar os dons (ζητεῖτε, zeteite) ao ponto de tê-los sempre (tempo presente) em abundância (περισσεύητε, perisseunte), ou seja, sempre numa proporção mais do que a esperada.

O texto de 1 Coríntios 14.39 reafirma a continuidade dos dons espirituais à luz do contexto geral do capítulo e da epístola.

2 comentários:

Luiz Henrique de Almeida Silva disse...

E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas; Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão. Ora, o Senhor, depois de lhes ter falado, foi recebido no céu, e assentou-se à direita de Deus. E eles, tendo partido, pregaram por todas as partes, cooperando com eles o Senhor, e confirmando a palavra com os sinais que se seguiram. Amém. Marcos 16:17-20
Os sinais do meu apostolado foram manifestados entre vós com toda a paciência, por sinais, prodígios e maravilhas. 2 Coríntios 12:12
Testificando também Deus com eles, por sinais, e milagres, e várias maravilhas e dons do Espírito Santo, distribuídos por sua vontade? Hebreus 2:4
Assim também vós, como desejais dons espirituais, procurai abundar neles, para edificação da igreja.1 Coríntios 14:12
Os dons são mais necessários hoje do que quando a Igreja foi iniciada. Temos muito mais doenças e muito mais enfermidades do que naquela época. Temos mais muito pessoas na Terra do que naquela época.

Valdomiro Filho disse...

Paz, Pr. Altair.

Muito boas observações.

Corroborando com o que foi dito, penso não haver dúvidas de que os dons continuam ainda hoje. Pedro disse em At. 2.39 : "Porque a promessa vos diz respeito a vós(OS QUE ESTAVAM LÁ), a vossos filhos(A POSTERIDADE), e a todos os que estão longe, a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar(A QUALQUER UM EM QUALQUER ÉPOCA)"

O que talvez seja questionável são as dita manifestação desses dons nos dias de hoje, pois o que temos visto, em muitos lugares, nega mais do que confirma.

Abraço fraterno!