domingo, 7 de setembro de 2014

Teologia Reformada: Uma Breve Reflexão para Jovens Arminianos Simpatizantes das Ideias Calvinistas

Deus quer que todos sejam salvos, mas decide salvar apenas alguns.

Deus quer que todos se arrependam, mas concede o arrependimento apenas a alguns.

Deus quer que todos creiam, mas concede o dom da fé apenas a alguns.

Dessa forma, Deus diz que quer a bênção da salvação para todos, mas somente os predestinados poderão obtê-la.

Deus já decidiu quem vai para o inferno, e também como irá. Se através de uma morte rápida e não muito dolorosa, ou de uma morte lenta e bastante sofrida.

Preguemos o evangelho da graça para todos, embora tal graça  somente será eficaz para aqueles que Deus assim resolveu que fosse.

Deus muda a vontade de alguns para recompensá-los com a vida eterna, enquanto deixa a vontade de outros intocável para condená-los à perdição eterna.

Mesmo assim, não tendo escolha, pois Deus já escolheu tudo, sou moralmente responsável por minhas ações.

Sou um arminiano que amo, respeito e tenho muitos amigos calvinistas, mas que não concordo com ideias tão contraditórias e extremadas.

Aos jovens arminianos, simpatizantes das ideias calvinistas, a plena maturidade que somente é adquirida com o passar dos anos vos conduzirá a uma maior moderação em vossos posicionamentos e argumentos.

Predestinação e livre-arbítrio são realidades bíblicas que coexistem e não se excluem, desde que bem conciliadas.

Cuidado, pois uma grande paixão teológica, sem muita reflexão, pode resultar numa frustração na mesma proporção.

Uma inundação de textos para defesa do calvinismo geralmente surge diante das questões aqui expostas, mas vale lembrar que uma enchente de textos em defesa do arminianismo normalmente logo se segue.


Altair Germano, um perdido pecador, salvo pela graça de Deus em Cristo Jesus.

4 comentários:

Eziel Eliodoro disse...

Paz do Senhor, Pastor Altair!
Norman Geisler, no seu livro Eleito mas livres, ele tenta mostrar equilíbrio entre a eleição Divina, e o livre-arbítrio, mostrando os extremos dos Calvinistas e dos Arminianistas. Para ele os dois pontos teológico, tem base Bíblica, como por sua vez, os dois pontos utiliza-se de textos isolados, para confirmar sua veracidade. É possível ensinar a teologia Arminiana sem anular o Calvinismo?

Will disse...

Ô pastor, essa questão de monergismo e sinergismo... O senhor tem algum texto sobre isso...? A questão de Efésios 2:8, Romanos 9, principalmente romanos... como o senhor poderia conciliar isso na posição defendida pelo arminianismo?
E a questão do que Jesus falou em João 6:44 que então quem não foi é porque o Pai não levou, ou o fato de ninguém pode arrebatar das mãos do Pai, mas vemos pessoas que creem(ou se dizem crentes) e logo após apostatam. Pode me ajudar nessas questões. Não sou calvinista.

Will disse...

A propósito, Um prazer contactar o senhor. Saiba que Deus o usou para me tornar Seu filho e seu irmão.

Luciano de disse...

Pastor Altair a paz do Senhor. Que Deus continue te usando, leio muitos artigos reformados, mas não é possível concordar com o calvinismo,