terça-feira, 25 de setembro de 2012

A VIDA PLENA NAS AFLIÇÕES: A GANGORRA DA VIDA



*A GANGORRA DA VIDA

O texto abaixo pode ser usado como ilustração para a lição “A Vida Plena nas Aflições. Espero até o final de semana postar o subsídio para a mesma.

"Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho. Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade. Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece." (Fp 4.11-13)

A vida se parece com uma gangorra. Uma hora você está por cima, outra hora está por baixo. É necessário saber viver nas duas dimensões ou circunstâncias.

1. Estar por cima implica no privilégio de ver o mundo de uma perspectiva mais abrangente.

2. Estar por cima é uma posição que pode gerar um sentimento de superioridade.

3. Estar por cima é uma posição vulnerável. O mínimo descuido pode resultar em desequilíbrio e queda.

4. Estar por baixo não produz grandes sensações.

5. Estar por baixo nos ensina a viver com os pés no chão.

6. Estar por baixo deve nos proporcionar a sabedoria necessária diante da expectativa e da possibilidade de subir.

7. Em cima ou em baixo, a confiança em Deus será sempre necessária.

8. A gangorra nos ensina que para nos mantermos em cima, precisamos de alguém em baixo para nos dar a devida sustentação. É preciso valorizar os que estão em baixo.

9. Precisamos saber viver nas duas posições, diante das mais diversas situações e circunstâncias da vida.

10. Ninguém está livre da gangorra, porém, no Senhor podemos todas as coisas.

*Texto publicado no livro “Uma Igreja com Saúde”.

Nenhum comentário: