quinta-feira, 14 de junho de 2012

ELISEU, UM LÍDER COM PROPÓSITO

Havendo eles passado, Elias disse a Eliseu: Pede-me o que queres que eu te faça, antes que seja tomado de ti. Disse Eliseu: Peço-te que me toque por herança porção dobrada do teu espírito. (2 Rs 2.9, ARA)

Depois de atravessar, Elias disse a Eliseu: "O que posso fazer por você antes que eu seja levado para longe de você? " Respondeu Eliseu: "Faze de mim o principal herdeiro de teu espírito profético". (2 Reis 2.9, NVI)

Num primeiro momento o pedido de Eliseu parece expressar certa ambição desmedida. Mas, só parece. Vamos aos fatos.

Eliseu tinha plena consciência de sua vocação. Ela sabia o que Deus em sua soberania e graça lhe reservara

Disse-lhe o SENHOR: Vai, volta ao teu caminho para o deserto de Damasco e, em chegando lá, unge a Hazael rei sobre a Síria. A Jeú, filho de Ninsi, ungirás rei sobre Israel e também Eliseu, filho de Safate, de Abel-Meolá, ungirás profeta em teu lugar. [...] Partiu, pois, Elias dali e achou a Eliseu, filho de Safate, que andava lavrando com doze juntas de bois adiante dele; ele estava com a duodécima. Elias passou por ele e lançou o seu manto sobre ele. Então, deixou este os bois, correu após Elias e disse: Deixa-me beijar a meu pai e a minha mãe e, então, te seguirei. Elias respondeu-lhe: Vai e volta; pois já sabes o que fiz contigo. Voltou Eliseu de seguir a Elias, tomou a junta de bois, e os imolou, e, com os aparelhos dos bois, cozeu as carnes, e as deu ao povo, e comeram. Então, se dispôs, e seguiu a Elias, e o servia. (1 Rs 19.15, 19-21, ARA)

Saber o que Deus nos tem reservado em sua obra é fator fundamental para não desejarmos além, nem aquém disso. Precisamos manter o foco no plano de Deus para as nossas vidas e caminharmos na direção de vivenciá-lo integralmente.

Algo maravilhoso na vida de Eliseu é a forma como ele se submete a vontade de Deus. Ele abre mão do seu trabalho e da casa dos seus pais para atender o chamado divino de tempo integral. Ela não questiona, nem pergunta se haveria alguma vantagem pessoal naquilo. Longe de buscar prestígio, privilégios, cargos, status, poder ou dinheiro, o foco de Eliseu estava em servir na condição de profeta de Deus. Eliseu deseja a unção. Eliseu deseja a primazia. O desejo de Eliseu era o desejo de Deus. Quando esta verdade se faz presente em nosso ministério e vida, coisas grandes acontecem.

Eliseu não abriu mão da primogenitura na herança do espírito profético que estava sobre Elias. Entre os herdeiros, a porção dobrada da herança seria sua. Deus quis assim, e Eliseu aceitou o seu querer. Não deseje mais, nem menos. Se aproprie de tudo que Deus determinou para sua vida. Não cobice a parte da herança espiritual do teu próximo, amigo, companheiro ou parceiro, e nem lhe ceda a parte que lhe pertence.

O Senhor se alegra quando valorizamos e honramos suas escolhas, suas decisões, sua vontade. O Senhor se alegra em homens e mulheres que aguardam a sua vez, o seu tempo, o seu momento.

Sim, chegará o tempo em que a unção de Deus será plena em nossas vidas, e todos reconhecerão que foi o Senhor quem nos escolheu. Tempo de muitas, e de grandes obras para o louvor do nome do Pai

Vendo-o, pois, os discípulos dos profetas que estavam defronte, em Jericó, disseram: O espírito de Elias repousa sobre Eliseu. Vieram-lhe ao encontro e se prostraram diante dele em terra. (2 Rs 2.15)

Até lá, enquanto esperamos esse tempo, sirvamos com fidelidade nos lugares onde o Senhor tem nos colocado, sabendo e lembrando que não foi por causa de nossas obras, bondade ou qualquer mérito pessoal, mas sim, pela graça do altíssimo que o manto de Elias foi sobre nós lançado. Sim, a unção do alto será derramada plenamente e com grande poder sobre mim e sobre você, para a glória de Deus

Então, levantou o manto que Elias lhe deixara cair e, voltando-se, pôs-se à borda do Jordão. Tomou o manto que Elias lhe deixara cair, feriu as águas e disse: Onde está o SENHOR, Deus de Elias? Quando feriu ele as águas, elas se dividiram para um e outro lado, e Eliseu passou. (2 Rs 2.13-14)

Eliseu foi um grande servidor, antes de se tornar um grande líder. O propósito de Deus para nós, uma vez descoberto, deve ser buscado com amor, humildade, zelo, paciência, prudência, determinação e disciplina.

3 comentários:

Eliseu Antonio Gomes disse...

Amado irmão e pastor.

Caro Altair, li e considero muito boa essa reflexão sobre a chamada ministerial do profeta Eliseu.

Vale relembrar: Eliseu pediu que houvesse sobre ele a unção dobrada que havia sobre Elias, assim que este fosse arrebatado. Aconteceu. Ao longo de sua jornada, sem perder a personalidade, sem copiar o jeito de ser da ministração de Elias, Eliseu fez exatamente o dobro de milagres de seu antecessor.

Refletindo mais sobre o episódio da sucessão PROFÉTICA de Elias para Eliseu através da perspectiva da Dispensação da Graça. Por que pedir unção em dobro parece pedir muito e não é? Porque até então Jesus não havia se manifestado, se sacrificado, ressuscitado, subido ao céu e o Espírito Santo não houvera descido para ser o Guia do ser humano e fazer morada em nossos corações. Após o evento da cruz, o relacionamento do Espírito com a humanidade não é apenas parcial, não é mais em fatos circunstanciais.

Após o sacrifício perfeito do Filho de Deus no calvário, o sangue de Cristo nos lava de todo pecado e então o Espirito Santo encontra liberdade para estar presente com inteireza na vida de todas as pessoas que se submetem ao Senhor de corpo, alma e espírito.

No passado a unção era dada sob medida, hoje ela é dada plenamente. Graças ao nosso misericordioso Deus!

E.A.G.
http://belverede.blogspot.com.br

missionariakeziavarela.blogspot.com disse...

excelente reflexão. Parabéns!
www.missionariakeziavarela.blogspot.comtyreaT

Flávio Ribeiro disse...

Meu amado irmão e pastor!
De tudo que foi escrito neste post gostaria de dar atenção para a seguinte frase: "Não deseje mais, nem menos. Se aproprie de tudo que Deus determinou para sua vida". Você se utilizou de uma acertividade muito grande ao escrever isto. Para cada um de nós Deus tem uma porção reservada e na medida certa do seu poder, devemos ter consciência disso e fazer uso apenas do que nos foi dado.

Parabéns, que Deus continue lhe abençoando!!