segunda-feira, 12 de março de 2012

A GRAÇA DE JESUS


Quando tento me conhecer melhor, percebo o quanto dependo Dele.


Quanto mais tento me compreender, mais complexo percebo que sou.


Em meio a tamanha complexidade, desisto de me entender e simplesmente me entrego àquele que me conhece plenamente.


Me entrego àquele que me escolheu em graça, e que em graça me suporta, me sustenta, me corrige, me conduz, me abraça, me afaga, me guarda, me consola, me aceita.


A graça causa impacto e escândalo.


Impacto nos necessitados e escândalo nos religiosos.


Impacto em leprosos, cegos, surdos, paralíticos, possessos, mendigos, prostitutas, cobradores de impostos, samaritanos, gentios, adúlteros, e escândalo em discípulos imaturos e em fariseus hipócritas.


É preciso se apropriar da graça, sem abusar e banalizar a graça.


Graça, maravilhosa graça!

Um comentário:

Anderson Cruz disse...

Glória a DEUS!
Sábias palavras!

Em Cristo,
Anderson Cruz