sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

O PERIGO DE QUERER BARGANHAR COM DEUS (2). Subsídio para Lição Bíblica



É difícil dizer porque se gosta da Teologia da Prosperidade e da Vitória Financeira, certo?

Eu gosto da Teologia da Prosperidade e da Vitória Financeira porque é gostosa de se ouvir, suave de viver e não irrita meu paradgma de vida cristã.

Olha o conteúdo desta heresia. O filtro longo da mente acrítica e manipulável suaviza mesmo a mentira.

Por que acreditar no Evangelho de Jesus se a Teologia da Prosperidade e da Vitória Financeira me dá tudo aquilo que eu quero de uma boa (conveniente) teologia?

Gosto de levar vantagem em tudo, certo?

Leve vantagem você também.

Leve a Teologia da Prosperidade e da Vitória Financeira.


4 comentários:

Jaime Alves disse...

A TEOLOGIA DA PROSPERIDADE É TÃO NOCIVA QUANTO O CRAQUE, VICIA TANTO A QUEM VENDE, COMO TAMBÉM A QUEM COMPRA...

wellington disse...

Meu querido pastor Altair Germano, estou preocupado com o conteúdo da nossa lição desta semana: O perigo de barganhar com Deus. É que no meu humilde modo de ver, não consigo entender a relação do texto básico, com o conteúdo da lição. Eu sei que não tenho expressão, mas acho que, como estamos sempre falando de uma melhora na área do ensino,acredito que precisa ser feito a partir das lições, com conteúdos mais profundos. (esto texto é apenas uma observação sobre esta lição do dia 19/02/2012, não quero ser mal interpretado, pois não tenho nada contra o comentarista e muito menos contra a editora, peço até se for possível, não publicar este comentário, mas se puder me dar uma resposta em off, agradeço, eu tenho muito respeito pelos seus cometários, sempre estou lendo e sendo edificado. O meu email é; wellingtonb72@yahoo.com.br) Fique na paz do Senhor pastor Altair Germano.

ALTAIR GERMANO, disse...

Amado Jaime,

é uma verdadeira "prosperolândia".

Abraços,

ALTAIR GERMANO, disse...

Prezado Wellington,

seu comentário em nada é ofensivo, e sua dúvida é pertinente.

A barganha no texto bíblico da lição 8 parece estar relacionada ao diabo, e não a Deus.

Seria interessante um melhor esclarecimento sobre a relação entre o texto bíblico básico e o tema da semana.

Abraços,