sábado, 19 de novembro de 2011

OS FATOS SOBRE A MÚSICA TEMA DOS VÍDEOS DE MENSAGENS DO EVENTO DOS GIDEÕES MISSIONÁRIOS DA ÚLTIMA HORA (GMUH)

Depois de ouvir muitas coisas acerca da origem e da natureza da música tema dos vídeos de mensagens do evento dos "Gideões Missionários da Última Hora", resolvi pesquisar sobre o assunto. Segue abaixo as informações colhidas sobre a questão.

O VÍDEO DA MÚSICA TOCADA POR SEU COMPOSITOR
ORIGINAL



A LETRA DA MÚSICA TOCADA COMO FUNDO MUSICAL NOS VÍDEOS DOS GIDEÕES
MISSIONÁRIOS DA ÚLTIMA HORA

Adagio in C Minor (Letra)

Come è dolce la primavera
Dopo il freddoinverno
Si laterra aspetta il raggio del sole
E una nuova vita lo sai
Ma l'amore
Tu sei il sole
La luce che brilla per me
Ma adesso ti bacio e vivo
Amore lo so che non c'è vita senza te

Tu sei il sole, la luna, la stella bella
Il mio mondo gira insieme a te
Tu sei l'aurora, la luce
Che splende al mattino
Piena di rosa melodia che suona per me

Amore vorrei sposarti
E non trovo le parole per descriver questo amor

Tu sei il sole, la luna, la stella più bella
Ed io appartengo a te
Tu sei l'aurora, la luce che splende al mattino
Piena di rosa melodia che suona per me

Amor lo sai quanto t'amo
Amor diamoci la mano
Aaaa l'amo dentro
Sai com'è sempre insieme a me
Sai com'è com'è

Lo so chesempre ti amerò
Sempre ti amerò

A letra da música é basicamente romântica, e faz parte do albúm Tribute (2ª faixa musical), do compositor Yanni.

Fonte: Letras Terra

O COMPOSITOR DA MÚSICA

Yanni, (nascido Yiannis Chrysomallis, grego: Γιάννης Χρυσομάλλης, Kalamata, Grécia, 14 de novembro de 1954) é um músico, tecladista e compositor.

Os pais de Yanni Chrysomallis eram artistas e fãs de música clássica. Filho de uma cantora e de um violonista, Yanni cresceu ouvindo Beethoven, Mozart, Chopin, Stravinsky e outros grandes nomes eruditos. Estas acabaram se tornando as maiores influências de sua carreira como tecladista e compositor de um estilo que ele prefere chamar de instrumental contemporânea.[1]

Apesar de sempre ter sido um amante de música, Yanni passou a infância e adolescência dedicando-se à natação, e aos 14 anos já havia batido recordes na Grécia como nadador. [2]

Aos 18 anos, mudou-se para os Estados Unidos, onde cursou psicologia na Universidade de Minnesota por três anos e meio. No entanto, ao terminar a faculdade, decidiu abandonar a carreira de psicólogo antes mesmo de iniciá-la, resolvendo dedicar-se apenas à música. Aos 21 anos, Yanni aprendeu a tocar teclado sozinho e passou a fazer parte de uma banda de rock local intitulada Chameleon.

Alguns anos depois, decidiu mudar-se para Los Angeles com o baterista Charlie Adams, que conhecera na época do Chameleon, e começou a gravar suas próprias composições pelo selo Private Music. Em 1986 lançou seu primeiro álbum, Keys To Imagination. O álbum trouxe a Yanni um impressionante séquito de fãs.

A partir daí, não demorou muito para o tecladista estabelecer-se como um conceituado músico de estúdio, compositor de jingles e produtor. Pouco tempo depois, Yanni tornou-se um dos artistas mais vendidos do selo Private Music.[2]

Considerado um dos nomes de maior destaque no segmento instrumental, a fama de Yanni aumentou a partir de seu relacionamento com a atriz americana Linda Evans, no início da década de 1990. Por ser muito popular nos Estados Unidos na época, Evans foi a maior responsável pelo grande interesse da mídia pelo tecladista. Eles tiveram um relacionamento de amor que durou nove anos.

Por ser autodidata, Yanni não sabe ler ou escrever músicas do modo tradicional. Ao invés disso, inventou uma maneira própria de compor ainda na infância e continua criando suas músicas usando a mesma técnica até hoje, depois de quase vinte anos de carreira e mais de vinte e dois discos. Sua sonoridade é ao mesmo tempo acessível e elaborada, sempre unindo o pop e a música clássica. As composições de Yanni também ficaram famosas nos Estados Unidos após terem sido usadas em programas de televisão e na abertura dos Jogos Olímpicos.

Fonte: Wikipédia

NEW AGE (NOVA ERA): O GÊNERO MUSICAL DE YANNI

Em sua biografia na Wikipédia, o gênero musical de Yanni é caracterizado como New Age (Nova Era). No verbete sobre a New Age, a mesma Wikipédia diz:

A música New Age, também conhecida como música da Nova Era, é um gênero musical que se caracteriza por uma melodia suave, sons instrumentais (harpa, teclado, flauta, violão, órgão) e vozes etéreas. Este gênero musical também utiliza sons da natureza em suas músicas.

É muito usada para meditação por seguidores de várias crenças espiritualistas. Este gênero musical busca despertar sentimentos de harmonia, paz interior e valorização da natureza (animais, plantas, recursos minerais).

O estilo musical New Age surgiu na década de 1960, no contexto do desenvolvimento da cultura hippie (liberdade, respeito, paz e amor). Uma das principais vertentes da New Age é a Space Music conhecida pelas obras de temas espaciais criadas na década de 1970 e 1980 por artistas como Vangelis e Jean Michel Jarre. Os temas espaciais são produzidos através de texturas eletrônicas e sons sintetizados.

A cantora irlandesa Enya é um dos principais expoentes da música New Age mundial. Podemos citar como outros importantes músicos e grupos New Age: Era, Yanni, William Jackson, Secret Garden,Enigma, Enam, Sarah Brightman, Adiemus, Angels & Airwaves, Blackmore night, Love Orchestra, Singh Kaur, Marcomé, Valensia, Kitaro, Karunesh, Deep Forest, Gregorian, Libera Voices, Loreena McKennitt, Celtic Woman. No Brasil, destacam-se os músicos Corciolli, Marcus Viana, Eloy Fritsch, Áurio Corrá, Marcelo Nadruz e Tomaz Lima.

(Fonte: Wikipédia)

Observe que o nome de Yanni aparece como um importante músico do movimento New Age.

O MOVIMENTO NEW AGE (NOVA ERA)

O movimento da Nova Era (do inglês New Age) possui muitas subdivisões, sendo geralmente uma fusão de ensinos metafísicos de influência oriental, de linhas teológicas, de crenças espiritualistas, animistas e paracientíficas, com uma proposta de um novo modelo de consciência moral, psicológica e social além de integração e simbiose com o meio envolvente, a Natureza e até o Cosmos. [...]

Tipicamente, os new agers partilham de algumas, (não necessariamente de todas), das seguintes crenças que foram adotadas de outras filosofias a fim de completar sua propria ideologia:
  1. Toda a Humanidade, - na verdade toda a vida, tudo no Universo. - é espiritual e está ligado entre si. Tudo participa da mesma Energia. Deus é o nome para esta ENERGIA.
  2. Os seres espirituais (exemplo: anjos, guias espirituais, elementais, espíritos, extraterrestres, ...) existem. Podem nos guiar se nos dispusermos a ser por eles guiados.
  3. A mente humana tem níveis de profundidade e vastos poderes que podem mesmo substituir a realidade. "tu crias a tua própria realidade com a tua mente". No entanto isto é determinado por algumas leis espirituais (karma).
  4. O indivíduo nasce na terra com um propósito. Tem a missão de aprender. A mais importante lição para aprender nesta vida é o Amor.
  5. A morte não é o fim. Há vida em diferentes formas e dimensões. Uma vida depois da morte não existe nunca para nos punir mas para nos ensinar pelos mecanismos da Reencarnação e eventualmente pelas experiências de Quase Morte.
  6. A Ciência e a Espiritualidade são em última análise harmonizáveis. As novas descobertas em Ciência, Teoria da Evolução, Mecânica Quântica entendidas de maneira acertada apontam para princípios espirituais.
  7. Há uma coisa partilhada por todas as religiões, que a Intuição ou "ser guiado divinamente" é melhor para ser usado na nossa vida pessoal do que o racionalismo, o cepticismo ou o método científico. A ciência ocidental erradamente negligencia coisas como a parapsicologia, a meditação, e a saúde holística.
  8. Há um núcleo místico de sabedoria em todas as religiões Orientais e Ocidentais. O dogma e a identidade religiosa não são importantes mas sim o conteúdo espiritual.
  9. Há princípios místicos masculino/feminino nas coisas, que assim como no ying/yang só se completam na sua união.
  10. As formas femininas da espiritualidade, incluindo imagens femininas do divino, são vistas como tendo sido subordinadas, escondidas pelas religiões tradicionais patriarcais. São divindades anteriores às religiões patriarcais. O renascimento do feminino é particularmente apropriado ao nosso tempo.
  11. As antigas civilizações como a Atlântida devem ter existido deixando para trás certos monumentos (como As Pirâmides do Egipto, Stonehenge) cuja verdadeira natureza não foi descoberta pelos Historiadores mainstream.
  12. Não há coincidências (Jung chamou a isso de Sincronicidade). Tudo à tua volta tem significado espiritual. E tudo te pode ensinar lições espirituais. As adversidades são lições de vida.
  13. A mente tem poderes e capacidades escondidos que têm significado espiritual. Os sonhos e as experiências psíquicas são modos de as almas se expressarem.
  14. Meditação, yoga, t'ai chi, e outras práticas orientais são válidas e devem ser desenvolvidas.
  15. A comida que comes afecta-te a mente assim como o corpo. É preferível comer comida vegetariana. A carne tem por base a morte de animais, é por isso um alimento que tem dentro uma carga de violência.
  16. Em rigor qualquer relação interpessoal tem potencial para desenvolvermos o nosso espírito.
  17. Aprendemos nas relações com as outras pessoas passando a saber o que é que precisamos de desenvolver em nós próprios e quais forças temos que trazer aos outros para também os ajudar.
  18. Todas as nossas relações vão ser repetidas até serem curadas, se necessário através de várias encarnações.
  19. Como Almas que procura a unidade com o Todo o nosso objectivo último é o de Amar a toda a gente com quem temos contacto.
  20. Certas localidades certos locais têm propriedades especiais de energia, esta pode ser energia feminina ou masculina. Esses locais são chamados de vortex (ou portais) e esses locais são considerados sagrados e têm propriedades curativas pelas populações ancestrais indígenas desses locais.
Fonte: Wikipédia

AS MINHAS CONSIDERAÇÕES E OBSERVAÇÕES SOBRE O USO DA MÚSICA DE YANNI COMO TEMA DAS MENSAGENS DOS VÍDEOS DOS GIDEÕES MISSIONÁRIOS DOS GIDEÕES DA ÚLTIMA HORA

Diante da exposição dos fatos acima, é preciso deixar claro o seguinte:

1. Não estou afirmando que os Gideões Missionários da Última Hora estão associados ao movimento Nova Era.

2. Não estou afirmando que na produção dos vídeos das mensagens, os GMUH já possuíam o conhecimento dos fatos aqui expostos.
3. Não tenho intenção alguma de colocar em dúvida a integridade e a relevância do trabalho missionário dos GMUH.

O caráter deste post é meramente informativo, embora em minha opinião pessoal o uso da referida música, ou de outras deste gênero envolvidas direta ou indiretamente com o movimento New Age, não é conveniente e adequado à proposta e ao caráter do evento realizado em Camboriú-SC, nem ao projeto missionário dos GMUH.


Fica aqui a minha colaboração diante do assunto.

Canaã dos Carajás-PA, 19/11/2011

20 comentários:

Weder Fernando Moreira disse...

Caro pastor, o aludido fundo musical foi abolido do evento do GMUH esse ano depois que os organizadores tomaram conhecimento.

Graça e Paz!

adriano disse...

eu acredito nessas mensagens pastor...

João Paulo disse...

Amado pastor Altair, a preciosa paz do Senhor!

Achei louvável a sua posição. O irmão não está, de forma alguma, depreciando o trabalho dos Gideões Missionários da Última Hora, mas, apenas informando sobre fatos incontestáveis.

Deus continue abençoando ao dileto pastor.

www.joaopaulomsouza.blogspot.com

ALTAIR GERMANO, disse...

Prezado Weder, apesar disto, a música continua sendo tocada em algumas igrejas e usadas em edições de vídeos de alguns pregadores, por falta de informação.

Abraços,

ALTAIR GERMANO, disse...

Adriano,

de quais mensagens você fala?

ALTAIR GERMANO, disse...

Amado João Paulo,

precisamos difundir a informação.

Antes que alguém pergunte sobre o que fazer com os vídeos que contém a música, cada um busque agir conforme a sua consciência.

Abraços,

Pr.Daniel S Acioli disse...

Meu nobre amigo Pr. Altair!

A Presente pesquisa vem em boa hora!

Com sua permissão sempre presente, postei em meu humilde blog!

Examinai tudo é o conselho!

Um abraço.

Pr. Daniel

Otoniel M. de Oliveira disse...

Terrível! É sabido de quem estuda música erudita e clássica que determinadas tissituras harmônicas, trazem escondidas manipulações comportamentais. Elas produzem em quem as ouve, um estado de euforia, depressão entre outras manifestações e até indução ao suicídio. Foi de extrema importância a sua observação!

ALTAIR GERMANO, disse...

Nobre amigo e pastor Daniel Acioli, penso que assim como o nobre amigo, outros poderiam colaborar com a difusão desta informação, o que entendo ser uma atitude salutar.

Ninguém, nem organização alguma está isenta de falhar. A informação do irmão Weder sobre a retirada da música dos novos vídeos de mensagens dos GMUH prova o bom senso da organização neste episódio.

Abraços.

ALTAIR GERMANO, disse...

Otoniel, a música deve ser sempre um instrumento para glorificar a Deus, e nunca um mecanismo de manipulação psicológica.

Sendo bem utilizada será uma bênção, do contrário, os danos serão graves.

Abraços,

Diácono Valtair disse...

E é impressionante pr. Altair como existem pregadores , que ainda coloca tal fundo musical antes de começar a pregar!
Eu não sou contra fazer um solo de piano em determinado momento da mensagem, eu acho até legal . porém temos que entender que o poder não está na musica e sim na Palavra de Deus!
Esta é minha opinião
abraço pastor Altair

JOEL disse...

caro pastor sempre descordei desse tipo de atitude (fundo musical) na mensagem, como se a Palavra de Deus precisasse de um empurrão. mei irmao que nao é evangelico sempre ouviu yanne e foi ai que descobri que se tocava nas igrejas uma musica profana, que Deus continue elevando homens como o pastor. Lutemos para combater modismos nas igrejas.

Julio Neves disse...

Já escutei as musicas do Yanni e nunca me senti um "New Age".

Acredito que quem escolheu a musica no projeto missionário dos GMUH sabia da história do autor. Não houve má intenção. Apenas gostou da música.

Porém, na igreja sempre voltamos para o dilema "igreja grande liberal" e "igreja de congregação pequena conservadora". Aí, é o tal "cutucar o vespeiro": pode ou não pode? É bom ou ruim?

Uma pergunta: o preludio 1 em C maior do Bach é musica ruim?

ALTAIR GERMANO, disse...

Prezado Valtair, infelizmente a música tem sido instrumento de manipulação psicológica em algumas igrejas.

Abraços,

ALTAIR GERMANO, disse...

Prezado Joel, lutemos contra tudo não glorifica a Deus.

Abraços,

ALTAIR GERMANO, disse...

Amado Julio,

"Já escutei as musicas do Yanni e nunca me senti um "New Age"."

Seguindo esta lógica do "não me sentir parte de", poderíamos usar as músicas do Pink Floyd como fundo musical de mensagens bíblicas?

Como escrevi, não acho ser conveniente.

Abraços,

Julio Neves disse...

"Poderíamos usar as músicas do Pink Floyd como fundo musical de mensagens bíblicas?"

A minha resposta é a mesma do pastor: "não acho ser conveniente".

Esse tal "fundo musical" com músicas seculares, faz parte da "modernidade" que tem entrado nas igrejas. Aliás, se fosse um "Pink Floyd" nem seria tão moderno assim, hehehe.

Agora, se temos hinos inspirados numa HC, por que não usar? Essa sempre foi minha idéia.

Obs: se escutei um Yanni, a verdade é que não foi dentro de uma igreja. E nunca será.

Vida Militar disse...

Caro irmão!
Graças a Deus que acordamos em tempo de reaver o erro e banir essa musica de nossas igrejas. Devemos cada um que tomar conhecimento, alertar a seus próximos. Fazendo isso estaremos contribuindo para não deixar nossos irmãos enganados. Fiz minha parte e alertei o máximo de pessoas que pude, até na internet.
Deus continue abençoando sua vida.
Fique na Paz

Adolfo junior disse...

amen! Amado pastor, gostei muito da investigacao, eu sou um pianista e tenho um amigo que gostou muito do fundo de Yanni, e ele queria que nos tocassemos juntos na numa vigilia na igreja dele,por sorte vi na youtube que o fundo que tanta gente pensa que e uma bencao e uma adoracao a satanas. logo recusei me a aprender. e o meu amigo ta muito entusiasmado em tocar na igreja onde ele congrega, e eu decidi investigar e gracas a Deus encontrei tua investigacao.

que Deus te abencoe! Adolfo de Mocambique

Itard Víctor disse...

Acredito que as igrejas evangélicas não deveriam aceitar não só as músicas, mas os músicos de teologia sectária como é o caso da banda "Voz da Verdade" que tem a música "O Escudo" como uma das mais conhecidas e tocadas nas igrejas, pois os tais componentes são adeptos do sabelianismo, isto é, negam a Santíssima Trindade.