quinta-feira, 23 de junho de 2011

O LÍDER IMPROVISADOR


O líder improvisador faz da excessão do improviso a regra.
O líder improvisador é inimigo do planejamento.
O líder improvisador sempre deixa as decisões para a útima hora.
O lider improvisador não discute alternativas.
O líder improvisador não considera os possíveis imprevistos.
O líder improvisador é um "repentista" na arte de administrar.
O líder improvisador é um constante dependente da sorte.
O líder improvisador é desorganizado.
O líder improvisador não é eficaz.
O líder improvisador desperdiça recursos materiais, tecnológicos e humanos.
O líder improvisador não possui ferramentas de controle adequadas.
O líder improvisador transfere sempre a culpa dos seus fracassos administrativos para os seus auxiliares.
O líder improvisador é inimigo da excelência.

"Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir? Para não suceder que, tendo lançado os alicerces e não a podendo acabar, todos os que a virem zombem dele, dizendo: Este homem começou a construir e não pôde acabar. Ou qual é o rei que, indo para combater outro rei, não se assenta primeiro para calcular se com dez mil homens poderá enfrentar o que vem contra ele com vinte mil? Caso contrário, estando o outro ainda longe, envia-lhe uma embaixada, pedindo condições de paz." (Lc 14.28-32)

2 comentários:

Ewene disse...

MUITO BOM!! :)

- Quem vive de improvisação não faz seu trabalho com amor e dedicação!!!

Heitor disse...

A Paz do Senhor !
É de muita valia esta postagem : Parabéns mais uma vez.