quinta-feira, 5 de maio de 2011

OS DEZ INIMIGOS PÚBLICOS DOS GAYS NO BRASIL PARA 2011 E O RECONHECIMENTO DO STF DA UNIÃO HOMOAFETIVA

IMAGEM: Site do STF

"Pelo segundo ano, a revista Lado A apresenta a lista “Os 10 inimigos públicos dos gays no Brasil”. Selecionamos, por meio de uma indicação feita por 10 militantes gays convidados, e publicamos por ordem de importância, as 10 pessoas que mais se destacaram na mídia por destratar homossexuais e por barrar ações que elevem a igualdade de direitos da comunidade gay, ou ainda, que agiram com homofobia em suas palavras ou ações. Essas 10 pessoas são responsáveis por disseminar o preconceito, a ignorância, e colaborar para que a violência e discriminação contra a comunidade homossexual se perpetue no país.

Apenas três nomes na lista deste ano estiveram em nossa listagem do ano passado. São eles, o senador Magno Malta (que em 2010 liderou a lista mas desta vez aparece em 5º lugar), o pastor Silas Malafaia (que se manteve como o 2º maior inimigo dos homossexuais no país) e o blogueiro Julio Severo (que saiu da 5ª para a 10ª posição)."

Leia em Revista Lado A

Os militantes evangélicos (e não-evangélicos), podem e devem continuar falando e se mobilizando contra o avanço dos "direitos" dos homossexuais. Não estou falando aqui de qualquer direito, mas daqueles direitos que atingem o direito e a liberdade dos outros, inclusive, liberdade de expressão e de fé.

O fato é que o movimento gay ganhará força e alcançará patamares jamais conquistados antes em nossa nação. A decisão do STF tomada hoje, que reconhece a união estável para casais homossexuais, é um grande passo nesta direção.

O que fazer? Além das mobilizações, acima de tudo, cumpre-nos orar, pregar e viver o Evangelho de Jesus.

É preciso também ter cuidado para não incorrer no risco da militância pela militância, em se deixar levar pelos interesses políticos e pessoais de alguns aproveitadores, em promover uma mera guerrilha religiosa e em estabelecer uma santa inquisição gospel.

No artigo sobre a decisão do STF, a revista Lado A diz: "Gay agora é família e podem contar com a proteção do Estado. Não estamos mais sós. A dignidade e cidadania dos homossexuais brasileiros foram reafirmadas hoje. "

Como escrevi em meu twitter, em se tratando de opção sexual:

O ser humano é livre para fazer as suas escolhas. Deus é livre e soberano para aceitá-las ou não (Romanos 1.26-32).

11 comentários:

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro amigo e pastor Altair Germano

Shalom!

Estou de luto pela atitude de ontem do Supremo Tribunal Federal. A questão pode ter sido legal, porém, jamais moral. As porteiras da miséria espiritual foram escancaradas.
Suas palavras são reais e verdadeiras. O STF apenas legalizou uma onda crescente a cada dia na nação.

Não creio que isso passaria pelo congresso, mas como o assunto conta com as forças espirituais da maldade e o STF, "oficialmente" não é uma instituição política, foi muito mais fácil aprovarem por lá.

Agora, se a moda pegar, tudo o que não for fácil aprovar através dos políticos, vão levar para aquela corte. É o perigo da inversão dos papéis.

Em particular, quem quiser que se apegue com Deus. Definitivamente é o fim!

Oremos!

Seu conservo em Cristo,
Pr. Carlos Roberto

EBDicas - Sergiano disse...

A paz do Senhor Jesus.

O inferno está em festa.
Mas o céu ainda permanece alegre, porque Aquele que é maior que isso, reina absoluto nos corações de quem a a Ele se entregam.

Breve no céu Jesus há de aparecer!

Fica na paz.

gyzw disse...

Deus tenha misericórdia de nós.

Julio Neves disse...

E os cristaos acreditando que só bastaria ter representantes no Congresso Nacional.

Lembre-se que quem escolhe os juizes é o presidente da República.

Pastor Júlio Fonseca disse...

Parabéns pelo site e pelas matérias, que Deus continue te usando para evangelizar!!!
Ida Gospel – Deus é nosso pastor

( Max Daylle ) disse...

Pr. O Sr. Vem pregar aqui na minha igreja em Teresina em um congresso de adolescentes...se possivel traga seu material literario para adquirirmos, Abraço de seu amigo do Piaui Max Daylle

Maurilio Gomes da Silva disse...

A aprovação realizada pelo STF pelo reconhecimento mencionado do ponto de vista humano nos traz imensa tristeza isso é inegável. No entanto para mim nada disso é novidade como outras coisas que vem acontecendo ainda muito piores que vão acontecer. O que lamento é que não tivemos pelo menos alguém do segmento evangélico (SÉRIO) apoiado por todas as igrejas que dizem da sua preocupação com a família de uma oportunidade no STF poder defender de forma pública as nossas convicções pela maior carta magna da humanidade a Bíblia. Isso na minha humilde opinião mostra que esse aumento tão falado dos evangélicos no Brasil é só numero para satisfazer egos entre outros interesses coletivos e individuais. Cabe a quem realmente deseja mesmo as mansões celestiais atentar para as recomendações Bíblicas no qual gostaria de citar ( João 5:39 ; 1 Timóteo 4:16 e todo o capítulo 22 de Apocalipse).
Maurilio Gomes
EBD-J.Paulista Baixo

sabrina disse...

A paz do senhor; Gostaria DE citar sobre adecisão do STF "É QUE OS JUIZES NÃO LEEM BIBLIA OU SE LEEM NÂO TEM DISSERNIMENTO¨"Cito Rm:1:24a32 Entre outros

Booth disse...

Pr. Altair Germano faz muito tempo que não escrevo um comentário em seu blog, porem gosto desses assuntos. Não quero discutir da onde surgi a punção homossexual se é na gestação ou se adquire em algum momento na vida ou se é espiritual. O que penso que todos tem q levar em conta é o seguinte o que foi liberado no STF foi o casamento civil, isso é para proteção ao gay que ficou com seu companheiro a vida toda e pela perda por causa da morte de um o outro fica sem direito a nada e a familia que o rejeitou por cauda da homosexualidade fica com tudo, isso serve para garantir por exemplo: Pensão alimentícia, Pensão alimentícia, Planos de saúde.
Agora a pergunta q deixo é, o que é justo?

http://www.youtube.com/watch?v=tnsqkfegTN4&feature=related

http://www.youtube.com/watch?v=7sykA4UqzdI&feature=related

http://www.youtube.com/watch?v=6tDySWRr-7E

RADIO GOSPEL MUSIC LIFE disse...

RADIO GOSPEL MUSIC LIFE

http://crescerevenceremjesus.blogspot.com

http://crescerevencercomjesus.blogspot.com

Pr. João Carlos disse...

Pr. Altair gostaria de saber o que a CGADB está fazendo para seus convencionados em relação a estás novas questões da Lei PLC 122 contra a homofobia, se a mesma tem se posicionado procurando dar palestras a seus convencionados e as igrejas.