sábado, 9 de outubro de 2010

COMO A MARINA FOI VISTA PELO PT ANTES DAS ELEIÇÕES

No dia 30 de setembro, três dias antes da eleição, acreditando no que diziam os institutos Ibope, Vox Populi e Sensus, os petistas estavam certos da vitória de Dilma Rousseff no primeiro turno. Então já era hora de esculhambar Marina Silva. Como já afirmei aqui, o caráter fascitóide dessa gente faz com que sejam ainda mais violentos quando se imaginam triunfantes. O Blog da Dilma não teve dúvida e publicou o post abaixo.

blog-da-dilma-ataca-marina1

Na charge, a candidata do PV é chamada de “Laranja verde”. Atribui-se a ela esta fala, com visível desdém pela militância verde:

“Distribuição de renda é com a Dilma. Eu farei entre as camadas menos favorecidas, a maior distribuição de oxigênio puro jamais visto neste país”

Abaixo do desenho, o texto afirma:

“Marina Silva é uma grande traidora. Traiu o povo brasileiro quando se posicionou contra o crescimento do país. Traiu o PT. Traiu também a memória de Chico Mendes quando se uniu àqueles que disfarçadamente se alegraram com a morte do grande líder seringueiro. Marina Silva jogou no lixo uma biografia de defensora dos povos da floresta, de defensora da Amazônia. Traiu por despeito e por vingança. (…) Marina não foi escolhida pelo presidente Lula porque não tem conhecimento, competência e caráter para governar (…)”

E vai por aí, leitor. Agora que o PT quer o apoio de Marina, o post foi tirado do ar. Mas vocês sabem como é a Internet. Tudo fica registrado.

Por Reinaldo Azevedo

Fonte: Blog Reinaldo Azevedo

Um comentário:

Julio Neves disse...

No mesmo blog do Reinaldo Azevedo tem isso:

"No dia 30 de junho, Nilmário Miranda, representante da candidata do PT à Presidência da República, fala:

“Acho que o que a Dilma Rousseff se propõe está no Plano Nacional de Direitos Humanos Três (PNDH3). Foi um plano concebido em conferência e dialogando com várias conferências, mas pelo governo; foi o governo. E passou pela Casa Civil quando ela era ministra”."

http://www.youtube.com/watch?v=MC-D27c0U1E

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/o-plano-que-dilma-deu-a-luz-e-que-deveria-ter-sido-abortado/