quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

TESOURO EM VASOS DE BARRO. Subsídio e Plano de Aula para Lição Bíblica

IMAGEM: ENOMIR SANTOS (ANANINDEUA-PA)

A quinta Lição do 1º trimestre/2010 tratará da fragilidade da natureza humana (vasos de barro) e da graça de Deus em confiar suas riquezas espirituais a pessoas limitadas e imperfeitas.

PLANO DE AULA

1. OBJETIVOS DA LIÇÃO

- Conscientizar-se de que mesmo sendo frágeis, Deus nos usa para transmitir as Boas Novas e nos dá poder para realizarmos sua obra.
- Compreender as fragilidades dos vasos de barro.
- Saber que no final os vasos de barro serão glorificados pelo Senhor.

2. CONTEÚDO

Texto Bíblico: 2 Co 4.1-12

Observaremos inicialmente, para entendermos um pouco a metáfora, os tipos e utilidades dos vasos nos tempos bíblicos.

Douglas (1988, p. 1646-1647) nos informa que antes da invenção da cerâmica (durante o sexto milênio A.C.) os vasos eram receptáculos feitos de peles, canuços, madeira e pedra. Esses objetos eram feitos de materiais perecíveis, têm raramente sobrevivido até os nossos dias. Pedras de resistência média, pedra calcária, alabastro, basalto, e também obsedianas (feita de lava que esfriou rapidamente) eram cortadas e escavadas para tomar forma como taças, jarras, pratos, etc. Grandes jarros de pedra ou de barro eram empregados para guardar líquidos. O barro poroso de que eram feitos esses vasos absorvia um pouco do líquido, assim, impedindo a evaporação e mantendo o conteúdo fresco.

Conforme Rienecker e Rogers (1995, p. 343) "A cerâmica coríntia era famosa no mundo antigo (Strabo, Geography VIII, 6.23) e Paulo pode ter se referido às pequenas lâmpadas de barro que eram bastante baratas e frágeis, ou, então, a vasos ou urnas de cerâmica."

O CONTEÚDO DOS VASOS DE BARRO

Nos vasos de barro (gr. ostrakinois skeuesin) humanos do Senhor, alguns conteúdos preciosos (tesouros) estão presentes, como por exemplo:

- A Palavra de Deus. "Pelo que, tendo este ministério, segundo a misericórdia que nos foi feita, não desfalecemos; pelo contrário, rejeitamos as coisas que, por vergonhosas, se ocultam, não andando com astúcia, nem adulterando a palavra de Deus; antes, nos recomendamos à consciência de todo homem, na presença de Deus, pela manifestação da verdade." (2 Co 4.1-2)

- O Espírito Santo. "E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco, o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê, nem o conhece; vós o conheceis, porque ele habita convosco e estará em vós." (Jo 14.16-17)

Paulo adverte que os conteúdos podem ser adulterados (2 Co 4.2). O termo grego para "adulterando" é dolountes (part. pres. at. de doloô), que significa usar de engano, de falsidade, corromper, enganar, falsificar. (RIENECKER; ROGERS, 1995, p. 342).

Vine (p. 594, 2003) define doloô da seguinte maneira: "forma reduzida de dolios (enganoso), significa primariamente 'fazer cair numa armadilha, enlaçar, atrair', por conseguinte, 'corromper', sobretudo entrosando as verdades da Palavra de Deus com as doutrinas ou concepções falsas, e lidando com elas com 'falsidade' (2 Co 4.2).

Dessa forma, como nos tempos de Paulo, não são poucos os que adulteram ou falsificam a Palavra de Deus, objetivando com isso tirar proveito, lucrar, alcançar os seus objetivos pessoais.

Um exemplo desta prática na atualidade são alguns televangelistas que disseminam a Teologia da Properidade, o Evangelho Judaizante, o Teísmo Aberto e outros ensinos que não se sustentam à luz de uma exegese e hermenêutica séria, associando-os às verdades bíblicas. Muitos crentes, além de assistir estes falsificadore, são envenenados por seus ensinos e ainda contribuem para o crescimento de seus "impérios pessoais".

OS VASOS DE BARROS

O barro fala de nossa natureza humana:


"E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra [...]" (Gn 2.7)

"Ai daquele que contende com o seu Criador! E não passa de um caco de barro entre outros cacos. Acaso, dirá o barro ao que lhe dá forma: Que fazes? Ou: A tua obra não tem alça." (Is 45.9)

"Pois ele conhece a nossa estrutura e sabe que somos pó." (Sl 103.14)

A nota de rodapé da Bíblia de Estudo Almeida (2006, p. 262) sobre 2 Co 4.7 diz que "Era comum guardar o tesouro ou as riquezas em vasos de barro cozido, material comum e frágil."

Sobre o mesmo texto comenta a Bíblia de Estudo Dake (2009, p. 1856): "Gr. ostrakinos, aqui em 2 Timóteo 2.20. Muitas vezes, no Oriente, os tesouros são esconddos em vasos de barro para protegê-los da umidade. Confira Jeremias 32.14. Aqui se refere ao poder do Espírito Santo por meio da luz do evangelho em nosso corpo. A ênfase está na diferença entre um vaso frágil de barro e o inestimável tesouro do poder que está nele."

A Bíblia de Estudo Pentecostal diz: " O cristão é um "vaso de barro" que, às vezes, passa por tristezas, lágrimas, aflições, perplexidades, fraquezas e temores (cf. 2 Co 1.4, 8,9; 7.5). Mas o cristão não é derrotado por causa do "tesouro" celestial que nele está. O cristianismo não é a eliminação da fraqueza, nem meramente a manifestação do poder divino através da fraqueza humana (12.9). Isto significa: (1) que em toda aflição podemos ser mais do que vencedores mediante o poder e o amor de Deus (Rm 8.37), e (2) que nossas fraquezas, aflições e sofrimentos, nos tornam totalmente receptivos à graça abundante de Cristo, e permitem que a sua vida seja manifesta em nossos corpos (vv. 8-11; cf. 12.7-10)."

3. MÉTODOS E ESTRATÉGIAS DE ENSINO


Escreva num quadro ou num cartaz uma relação de características frágeis de nossa humanidade e solicite aos alunos que a complete com outras características ausentes na relação. Você poderá também levar um vaso de barro para a sala de aula com alguns objetos de certo valor dentro dele (aliança, relógio, jóia, objetos raros ou de grande valor afetivo etc. ). Deixe o vaso guardado numa bolsa para apresentá-lo apenas no final da aula. Escolha um vaso muito simples. Antes de terminar a aula, tire o vaso da bolsa, mostre-os aos alunos e tire de dentro do vaso os objetos de valor. Diga-lhes em seguida que assim como aquele vaso flágil e sem muita aparência guarda objetos de valor, assim são eles para o Senhor, vasos frágeis escolhidos como receptáculos de tesouros espirituais (sua palavra, seu espírito, seus dons etc). Diga-lhes ainda, que em breve os vasos de barros serão transformados (glorificados) por ocasião da volta de Jesus (1 Co 15.42-49).

4. RECURSOS DIDÁTICOS

Quadro, cartolina, pincel ou giz, vaso de barro, objetos pessoais.

5. SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS

- Bíblia de Estudo Almeida, SBB.
- Bíblia de Estudo Dake, CPAD.
- Bíblia de Estudo Pentecostal, CPAD
- Chave Linguística do Novo Testamento Grego, Vida Nova.
- Dicionário VINE, CPAD.
- Novo Testamento Interlinear, SBB.
- O Novo Dicionário da Bíblia, Vida Nova.

Boa aula!

6 comentários:

Artur Ribeiro disse...

A paz do Senhor.

Pr. Altair

Graças a Deus por mais este seu subsídio. Não deixe de fazer este trabalho. Ele é uma bênção.

Aproveitamos para lhe indicar a leitura de A DOUTRINA DA MORTE, complemento para as Lições Bíblicas 1/2010 (http://blogdoarturribeiro.blogspot.com/2010/01/doutrina-da-morte-complemento-1-para-as.html), acerca de 2Co 5.

Forte abraço,

Artur Ribeiro

Gilvaneide disse...

A paz do Senhor!

Pr. Altair

Sou professora da escola dominical na minha igreja pela graça de Deus,pois não possuo muito conhecimento na palavra de Deus, ao estudar a revista dominical sempre busquei subsídios na internet,buscas incompletas.No entanto quando me deparei com o seu blog na primeira lição pedi a Deus que o pastor continuasse com ânimo e disposição para postar todas as lições da escola dominical e glória a Deus que tem te dado tempo e disposição.Que o irmão continue com essa disposição.Continue nesta força, pois seremos recompensados de acordo com o nosso trabalho!!!

A paz do Senhor!!!

Abraços!!!

Ev. André Moreira disse...

Pr. Altair,publiquei em meu blog.Otimo subsidio.

A M

Ministério Missões e Avivamento Já - Pregador Wallas Saraiva disse...

Paz do Senhor Pastor Altair! É com imenso prazer que postei esta lição em meu blog...brevemente , caso autorize, colocarei a mesma disponibilizada para download em meu site...abraço

Wallas Saraiva

Blog O Evangelho em Vassouras/RJ
Ministério Missões e Avivamento Já

http://vassourasedosenhorjesus.blogspot.com/

monique disse...

A Paz do Senhor Pastor, sou da bahia professora de ebd mais tenho apenas 22 anos e sempre procuro em seu site reforço pra minha aula. DEus continue te abençoando. Não sei o que seria de mim sem o senhor....Grande Abraço

Mere Rose disse...

A PAZ DO SENHOIR PASTOR.
PASTOR, EU TENHO 32 ANOS E SEMPRE SOU CHAMADA PARA PREGAR NA MINHA CONGREGAÇÃO QUANDO É CULTO DO CIRCULO DE ORAÇÃO,ME SINTO AINDA INSEGURA.
QUANDO DECIDIR PREGAR SOBRE O TEMA VASO DE BARRO, ACHEI ESTE SUBSIDIO DA ESCOLA QUE ME AJUDOU EM MUITO PARA DESCOBRIR COMO DEVEMOS FAZER PARA SERMOS VERDADEIROS VASOS.
MUITO OBRIGADA!