terça-feira, 12 de maio de 2009

UMA TRISTE REALIDADE

4 comentários:

Elisomar disse...

Melhor perder com água do que com a seca, pelo menos a água gera vida, depois da calamidade.
Que Deus tenha misericórdia dessa gente sofrida.

Anônimo disse...

Espero que, após todo este turbilhão hídrico e político até passe, o Nordeste seja visto por Brasília com melhores olhos. As Eleições 2010 virão aí e segundo estudos, pela primeira vez na história política brasileira, quem decidiu a última eleição prá Presidente da República foi justamente o Nordeste. Agora é a hora de retribuir, e muito bem, a paga !

Anônimo disse...

Pastor Altair;os locais onde eram de seca extrema tambem choveu bastante?
Foram feitos açudes ou cisternas para armazenar essas aguas?
Ou nunca pensaram que um dia chovesse tanto?
pergunto porque sou de SP e tenho curiosidade em saber,obrigado.

ALTAIR GERMANO, disse...

Anônimo, em alguns lugares ouve algum aproveitamento, mas se contabilizou mais estragos.

Abraços.