domingo, 26 de abril de 2009

SOBRE O POST DO BLOG DO PR. MARK LEMOS

O nobre companheiro e pastor Mark Lemos, publicou em seu blog um post com o seguinte título: "Desejos e Delírios no Blog do Pr. Altair Germano." Segue abaixo as minhas considerações:

"Desejos. Nessa reta final, especificamente nesse post, o pastor Altair se revelou tendencioso a uma possível reeleição do Pr. Jose Wellington"

Não me percebi com uma postura tendenciosa. Simplesmente fiz uma projeção fundamentada em dados, informações e análise pessoal das circunstâncias, que acabou se confirmando com os resultados das eleições.

"Delírios. As informações passadas deveriam ser regidas por moderação e neutralidade. A ausência dessas coisas geralmente compromete nossas palavras."

Não escrevo como jornalista. Meu blog é "pessoal". Procuro o máximo possível não ser injusto e parcial em minhas colocações. Falar de neutralidade absoluta sobre qualquer questão que se analisa ou se escreve, beira a utopia. Por exemplo, no post que escreveu sob o título "LAMENTÁVEL", as duras críticas que fez a gestão e posturas do pastor José Wellington, deixa explícito (ou implícito) a sua preferência pela candidatura do pastor Samuel Câmara (fato este comprovado na 39ª AGO, quando se apresentou ao lado do referido candidato em seu discurso). Não vejo nada de errado nisto. Assim como qualquer pastor assembleiano, temos as nossas preferências, perspectivas e convicções pessoais (equivocadas ou não). Entendo que nem sempre as nossas palavras são "comprometidas" por nossas preferências, mas sim, pelo nível de sinceridade e verdade delas. Nunca agradaremos a todos com nossas opiniões e preferências pessoais, e não é esta a minha intenção, desejo ou delírio.

"
'A maioria dos pastores que lá estarão para votar, são membros de Convenções Estaduais cujos presidentes apóiam a chapa encabeçada pelo atual presidente da CGADB. Tais convenções possuem também um quantitativo superior de obreiros'. Esta afirmação infere que os obreiros não teriam o direito de livre escolha na hora da eleição e que teriam que votar no candidato que o presidente da convenção escolher por eles? Devemos ter ciência que algumas Convenções têm praticamente forçado seus ministros votarem no atual presidente, sob pena de retaliações."

É claro que o direito da livre escolha e do voto devem prevalecer. Mas, alguém tem dúvidas sobre o poder de influência dos pastores presidentes das Convenções Estaduais? Alguém teria a coragem de negar, que a tentativa de forçar o voto, mediante ameaças de retaliações, partiu tanto de pastores que apoiavam um, como o outro candidato? Particularmente, não acredito que o pastor José Wellington, nem o pastor Samuel Câmara aprovam tais posturas.

"'Há praticamente regiões inteiras apoiando o Pr. Jose Wellington, como é caso do Nordeste'. Como é possível ter tanta certeza assim?"

Não tinha "tanta" certeza assim. Tinha apenas convicções pessoais. Como já escrevi, fiz uma projeção (não uma profecia ou profetada) com base numa análise pessoal (e por isso falível) dos fatos. Muito embora o pastor José Wellington foi eleito, fica claro (visto a falibilidade de quem projeta sem dados estatísticos e científicos precisos), que a eleição foi mais "apertada" do que eu esperava (foram apenas 756 votos de diferença).

"
'O pastor José Wellington confia em suas realizações (Reestruturação da CPAD, instalação da Editora Patmos nos EUA, construção de um prédio moderno para a sede da administração da CGADB e CPAD, concessão da Patente "Assembléia de Deus", reconstrução do edifício da FAECAD, realização do Programa Movimento Pentecostal e da Web Rádio, realização de Conferências de Escola Bíblica Dominical, Fóruns de Missões, Simpósio de orientação jurídica, ELADS etc.) para continuar na administração da CGADB e de todos os órgãos a ela ligados'. Quais os benefícios plausíveis de tudo isso? Os CAPEDS já existiam antes do Pr. JW assumir o poder, os ELADS tem se tornado um fórum para intermináveis reformas de estatuto e plataforma para intermináveis reeleições, o fórum de missões tem surtido pouquíssimo efeito, e continuamos a exportar nossas divisões para o exterior onde os trabalhos são congregações dos ministérios no Brasil e as brigas políticas entre ministérios daqui continuam la fora. Construções e reformas de prédios? Basta ter o dinheiro e um bom empreiteiro e você constrói qualquer coisa. Essas obras beneficiariam mais um candidato da vida pública do que um candidato para uma Convenção de Pastores. No mundo secular o eleitor menos atento vota em quem constrói mais pontes e viadutos, não enxergando as mudanças estruturais que são necessárias para melhorias da qualidade de vida a médio e longo prazo. Acredito que o Senhor conduzirá esse processo e fará cumprir sua vontade Soberana."

Concordo plenamente com o meu nobre companheiro Mark Lemos, no sentido de que muito precisa ser feito em todas as áreas de nossa igreja (evangelismo, missões, educação, mídia etc). Quanto mais política eclesiástica envolvida, menos visão de Reino e realizações prioritárias teremos.

Com certeza, o Senhor conduziu, e fez cumprir a sua vontade soberana neste processo eleitoral, com a reeleição do pastor José Wellington.

Não duvido do potencial e da contribuição que o pastor Samuel Câmara pode dar às Assembléias de Deus no Brasil. Se mais uma vez ele não conseguiu atingir os seus objetivos, elegendo-se presidente da CGADB, lhe cabe uma reflexão pessoal e íntima sobre suas intenções, motivações, posturas, estratégias, ações e projetos. Uma reflexão e busca daquilo que é a boa, perfeita e agradável vontade de Deus para a sua vida.

"Estarei em Vitória e vou procurar o Pr. Altair para conhecê-lo pessoalmente, dar um abraço e comprar seu livro autografado. Processos eletivos passam, e o que permanece são os desafios, e a necessidade de hombridade, companheirismo e fervor pela causa de Cristo."


Avistei o pastor Mark Lemos em Vitória-ES, fui ao seu encontro, lhe dei um abraço e o presenteei com um exemplar de meu livro.

Quero me unir ao nobre companheiro, grande educador, filho de um casal de missionários pioneiros no ensino teológico no Brasil (Pr. João Kolenda e Ruth Doris Lemos), diretor do IBAD - INTITUTO BÍBLICO DAS ASSEMBLÉIAS DE DEUS, instituição referencial na educação teológica, para vencer os desafios, promover a hombridade, o companheirismo e o fervor pela causa do Mestre.

No amor de Cristo,

Altair Germano


5 comentários:

Matias Borba disse...

caro Pr. Altair,
Graça e Paz!

Penso que a questão em alguns pontos de seu poste sobre "Desejos e Delírios" não ficaram claros em relação justamente ao que postou em seu blog o Pr. Mark Lemos, o que faltava era de fato um esclarecimento melhor e agora sim fica claro suas reais intenções.

Mas porque? Pelo simples fato de que muitos blogueiros fizeram canpanhas em seus blogs disfarçaods de falsa democracia apoiando o tanto o Pr. Câmara quanto o Pr. Wellington, e infelizmente por agirem assim, qualquer postagem que surgisse seria injustamente colocada como de conteúdo político.

Preferi não me posicionar em muitos postes em vários blogs pelo fato de que essas eleições deixaram muitas marcas negativas e isso nunca será bom para a igreja.

Quanto a postagem do Pr. Mark sob o título "LAMENTÁVEL" penso que a intenção do Pr. não foi de defender ou apoiar a chapa do Pr. Samuel Câmara mas sim de trazer um reflexão aos menbros da denominação que na maioria dos casos nunca fica de fato sabendo o quanto é gasto nessas convenções nem o que ocorre, exemplo disso é o casos dos cheques que foi falado na convençao.

Claro que discordei de alguns pontos feitos ali por ele, mas quanto ao cerne da questão ele tem razão. Penso que uma transparência maior por parte da CGADB é fundamental e obrigatória aos menbros, pois quem faz a denominação não é aCGADB e sim os menbros, a CGADB apenas administra o que o Senhor lhe confiou.

Claro que essa transparência deve ser feita de forma correta para que se possa evitar escandalos em nosso meio.

Deus abençoe pelo equlíbrio e a forma como tratou da questão.

Pr. Genildo Thomaz disse...

A paz meu amigo e querido comapnheiro em primeiro lugar, quero aqui agradecer a Deus por ter lhe conhecido pessoalmente, como lhe disse em Vitória, seu Blog tem sido de bençãos para nossa vida aqui do outro lado do atlântico.

Infelismente creio que o Pr. Mark Lemos está mais tendecioso do que ele imagina e não percebe, pois também sua primeira matéria tomou claramente partido em consideração a seu cunhado e também agora volta a disparar contra seu posionamento, creio que com a inteligencia que ele tem deveria observar mais quanto a seus posionamento.

Um abraço meu grande amigo e oreis por nós aqui no campo missionário na europa.

Bern/Suiça

Anônimo disse...

PR. Altair, com todo reséito meu querido irmão em Cristo, mas qualquer pessoa que visitasse seu blog, como o dos pastores Geremias do Couto e Ciro Zibordi, saberia logo que voces estavam fazendo campanha para o pr. josé Welligton.
Pois só o fato de voces mostrarem (apenas)as coisas boas do mesmo e as negativas do pr. Samuel Câmara.
Hoje, a AD está dividida. Penso que mais de 50% está com o pr. Samuel Câmara, isto se forem computados todos os pastores da AD deste imenso Brasil.
Veja só, no caso desta votação em Vitória, onde mais de 4 mil pastores não puderam comparecer as urnas porque a distancia os impediram, assim mesmo o pr. Samuel ficou com quase 6 mil votos, ficando apenas 4 pontos percentuais e aguma coisa abaixo do pr. José Welligton.
Estou sabendo que muitos pastores de vários estados do Brasil estão querendo que o pr. Samuel funde uma nova Convenção. Convenção esta que seria metade do que ainda é hoje CGADB.
Pense nisso!

PR. FACUNDO.

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado pr. Altair Germano,

A Paz do Senhor!

Creio, que cada Editor de blog, possui o direito de explanar situações da igreja, com os objetivos de melhor conduzir, alertar, informar, exortar, evangelizar, denunciar, a muitos em diversas parte do país, e até no mundo, como eu, residente no estado da Flórida, EUA, mas atento ao que acontece em todo o Brasil.

Cada qual, deve exaltar a sua liberdade, em se pronunciar, e até mesmo, escolher em caso pessoal, o candidato de sua preferência, como muitos o fizeram implícitamente ou explicítamente, ou seja a sua maneira em particular. Afinal, cada qual possui sua característica. Não vejo mal nenhum nesta ação.

Creio, que atuaste com a sua liberdade, da mesma forma que os demais. Parabéns!

Tudo passa, e tudo voltará ao normal, no momento certo. Mas, o mais importante, será a união de cada um, em prol da veiculação dos erros que assolam as igrejas no Brasil, principalmente com os fatos: Divórcio mal solucionado e permissivo, Profecias adivinhadoras e os diversos tipos de heresias, bem como o encontro que está causando vergonha através do www.youtube.com, conhecido pelo nome de OS GIDEÕES. Um verdadeiro evento que descaracteriza a Igreja de Jesus Cristo, e não se toma nenhuma posição séria a este espetáculo.

O Senhor seja contigo!

pr. Newton Carpintero
www.pastornewton.com

Anônimo disse...

Quando a gente não faz ,não conhece ,não ajuda,ficamos quieto,calamos a boca(ou melhor as teclas do computador),simplesmente oramos,pois esse evento dos gideões ja contabilizaram milhares de almas salvas para Cristo.Infelizmente pessoas como esse (carpinteiro)prefere ver coisas que outros colocam do que realmente o que é a realidade dos Gideões.
Sera que ele tem ciumes de quem prega nos gideões?
mario.