sexta-feira, 29 de agosto de 2008

FILHOS SEM DEUS


"O filósofo argentino Alejandro Rozitchner defende uma educação ateísta a seus três filhos e diz já saber o que falar quando um deles lhe perguntar sobre Deus. 'Vou dizer que é um personagem como o Buzz Lightyear ou o Woody do Toy Story.'"

Leia em REVISTA ÉPOCA

Filhos sem Deus, são filhos cujos referenciais são o próprio "eu" ou os padrões móveis e relativos da sociedade pós-moderna. Pobres filhos, pobre sociedade pós-moderna.

3 comentários:

Martins disse...

Espero que os cristão não caiam nessa armadilha, e sigam o que está escrito em Pv 22.6:

“Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele.”

Um abraço fraterno,
Martins

Daladier Lima disse...

Chamo a atenção para os filhos sem Deus de algumas famílias evangélicas. Uma pesquisa atestou que boa parte dos que cumprem pena no presídio Aníbal Bruno e em Itamaracá por posse e uso de drogas, são filhos de crentes, e um grande número são filhos de dirigentes de Círculo de Oração.

Elisomar disse...

Esperto demais, vira bicho.