sexta-feira, 18 de julho de 2008

ABUSOS SEXUAIS COMETIDOS POR PADRES NA AUSTRÁLIA FAZ O PAPA PEDIR DESCULPAS

IMAGEM: FOLHA UOL

O pedido de desculpas é válido, mas os constantes escândalos envolvendo padres com pedofilia pedem uma ação mais "radical". Quem sabe, se a liberação do casamento para os sacerdotes não resolveria parte dos problemas sexuais dos padres.

"Segundo o correspondente da BBC em Sydney, Nick Bryant, 107 membros do clero da Igreja Católica já foram condenados na Austrália por alegações de abuso sexual."

Leia mais em BBC BRASIL

2 comentários:

Maya disse...

Acho isso tudo mais do que lamentável. A Ig. Católica é uma instituição que não revê aspectos de sua doutrina que vão contra a prórpia Bíblia. depois ficam entre o pecado mais torpe e os hipócritas pedidos de desculpas. Os padres continuam dentro da Igreja, em geral não são presos nem punidos. Acho isso o fim. Podem me chamar de radical, mas não considero, por inúmeros motivos, a I. Católica cristã.

Maya disse...

Obviamente, um padre pedófilo tem sérios problemas de ordem afetivo-sexual, não está em paz com o celibato e faz do sacerdócio uma fuga.