quinta-feira, 29 de maio de 2008

VENCENDO AS TENTAÇÕES: AGRADANDO A DEUS - Subsídio para a Lição Bíblica

Qual é a principal estratégia do inimigo para levar as pessoas ao pecado? Tentá-las é a resposta. Só quando percebermos e conseguimos neutralizar as ações do Inimigo, das seduções do mundo e das inclinações da carne, através da observação de alguns princípios bíblicos, é que sairemos vitoriosos sobre as tentações.

1. O que é a tentação

1.1 Análise Exegética

Conforme o Dicionário Bíblico Wycliffe, os termos hebraicos massa e nasa, podem, às vezes, ter o significado de "induzir ao pecado". Mas seu principal e predominante significado é o de "testar o valor e o caráter de homens" e, às vezes, os de Deus (Hb 3.9).

"Tentação", do latin tentatione, pode significar indução ao erro. Segundo Vine (2003, p. 1014-1015), a palavra grega para “tentação” é peirasmós e ekpeirazõ. Esta palavra é usada com os seguintes significados:

a) Provas com o propósito e efeito benéficos (Lc 22.28; At 20.19; Tg 1.32; I Pe 1.6; 4.12; 2 Pe 2.9).

b) Com um significado bom ou neutro (Gl 4.14).

c) Provas de caráter variado (Mt 6.13; Lc 11.4; I Co 10.13)

d) Prova projetada definitivamente a conduzir à má ação, “tentação” (Lc 4.13; 8.13; I Tm 6.9).

c) A “tentar” ou desafiar Deus, por homens (Hb 3.8).

1.2 Conceito Teológico

"Tentação" pode ser definida como uma influência interna ou externa, de origem divina (quando refere-se ao fato de Deus "provar" o homem, 1 Pe 4.12), diabólica (malígna, Mt 4.7) ou humana (carnal, Tg 1.14), que embora, em si, não seja pecado, pode conduzir ao mesmo (Tg 1.15).

2. Os Cinco Estágios da Tentação (Tg 1.14-15)

Classificamos os estágios ou processos da tentação, em cinco. São eles:

a) Inclinação: "Ao contrário, cada um é tentado pela sua própria cobiça". Dá-se em virtude da natureza pecaminosa do homem.

b) Atração: "quando esta o atrai". A atração, percepção seguida da atenção, é resultado natural da ação dinâmica dos nossos sentidos (tato, olfato, visão. audição e paladar).

c) Sedução: "e seduz". Sedução, conforme o Diconário Michaelis, significa "1. Ato ou efeito de seduzir ou de ser seduzido. 2. Qualidade de sedutor. 3. Encanto, atração, fascínio." A sedução é uma ação envolvente, que de maneira sútil, embriaga, neutraliza a razão, podendo ser considerada um estágio avançado no processo da tentação.

d) Concepção: "Então, a cobiça, depois de haver concebido". A idéia aqui, é a do estabelecimento pleno do desejo de pecar, de transgredir, de realizar o desejo, independente das consequências. O pecado está a um passo.

e) Consumação: "dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado,". O pecado é o resultado da consumação de todo o processo pertinente a tentação. Este processo pode ser lento ou rápido, planejado minuciosamente ou entregue aos acontecimentos. A consequência imediata deste último estágio é a morte (Gn 2.17; Rm 6.23).

3. É Possível Resistir a Tentação

Segundo Champlin (2001, p. 351) "A tentação, se não for dominada, destrói a fibra moral. Mas, uma vez que lhe oferecemos resistência, isso melhora a qualidade moral de nosso ser".

A Bíblia é clara e categórica, quando afirma que as tentações podem ser resistidas, suportadas e vencidas:

"Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação;" (Tg 1.12)

"sujeitai-vos, portanto, a Deus; mas resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." (Tg 4.7)

"Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar." (1 Co 10.13)

4. Como Vencer a Tentação

A observância de alguns princípios e orientações da Palavra de Deus, nos conduzirá sempre para a vitória sobre a tentação. Dentre os tais, podemos citar:

a) Vigiar e Orar - "vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca." (Mt 26.41; Mc 14.38)

b) Mortificar os feitos do corpo, através de uma vida guiada pelo Espírito - "Porque, se viverdes segundo a carne, caminhais para a morte; mas, se, pelo Espírito, mortificardes os feitos do corpo, certamente, vivereis. Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus. (Rm 8.13-14)

c) Andar no Espírito - "Digo, porém: andai no Espírito e jamais satisfareis à concupiscência da carne" (Gl 5.16)

d) Viver por fé - "porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé." (1 Jo 5.4)

e) Fazer a vontade de Deus - "Ora, o mundo passa, bem como a sua concupiscência; aquele, porém, que faz a vontade de Deus permanece eternamente." (1 Jo 2.17)

5. Conclusão

A tentação não faz acepção de pessoas. Ela se faz presente na vida de crianças, jovens, adultos e anciãos. Ela não respeita condição ou posição social, novos convertidos ou veteranos na fé. Congregados, membros, líderes e oficiais da igreja, também estão incluso. Crentes carnais ou espirituais, famosos ou anônimos, profanos ou santos, íntegros ou imorais, casados ou solteiro, verdadeiros ou hipócritas, obedientes ou insubmisso, também não escapam.

Todos os dias, milhares de cristãos caem em tentação. Enquanto você lê esse texto, estou certo de que em sua vida, uma das etapas do processo da tentação está sendo vivenciada. Desperte, acorde, fuja, resista, lute, clame, rompa agora com a possibilidade do pecado.

É preciso lembrar, que tentação não envolve apenas questões "sexuais", antes, inclui qualquer questão moral e espiritual. Tentação envolve desobedecer a Deus, transgredir os seus mandamentos, negar através de ações o amor que declaramos a Ele.

REFERÊNCIAS

http://www.bibliaonline.net/bol/. Acessado em 29 de maio de 2008, às 20:30 hs.

CHAMPLIN, R. N. Enciclopéida de Bíblia,Teologia e Filosofia. 5. ed. São Paulo: Hagnos, 2001. v.6

Lições Bíblicas: jovens e adultos. 2o. Trimestre de 2008. Rio de Janeiro: CPAD.

VINE, W. E.; UNGER, Merril F.; WHITE JR., William. Dicionário Vine. 2.e.d. Rio de Janeiro: CPAD, 2003.

PFEIFFER, Charles F.; VOS, Howard F.; REA, John. Diconário Bíblico Wycliffe. Rio de Janeiro: 2006.




2 comentários:

Elisomar disse...

É incrível como a tentação tem tanto conhecimento da gente! Se não fosse a misericórdia de Deus nos protegendo, certamente seríamos homens e mulheres sem o direito de entrar na presença do Senhor. E na vida de alguns, há tentações específicas que é necessário se agarrar ao cais com muita força, do contrário o vento do (não tenho culpa se isso acontece comigo), nos leva e nosso barco afunda.

Anônimo disse...

Graça e Paz

E longo mas vale a pena ler até o final

Voce ja ficou em algum lugar, tipo fila do banco, fila do ônibus parado no congestionamento e deu aquela vontade de pregar o evangelho , mas não tinha nenhum material.
Pois é isso ocorreu comigo , e dai fui procurar na net algum material para evangelismo, e não encontrei muita coisa , a minha ideia é a seguinte conseguir a ajuda de irmão e irmãs que saiba mexer em algum programa de edição de texto, tipo Corel Draw ou similar e começar criar folhetos evangelisticos , com um visual mais atraente uma linguagem facil e direta e disponibilizar so site, icentivar os amados irmãos para evangelizar pois o mundo clamar por missões.
Os irmão vão no site faz o download dos arquivos, imprimem os folhetos e evangelizam, pois igreja que não evangeliza não cresce. voce ja contou as casas que ficam no caminho da sua igreja a sua casa , imagine todos os irmão colocando os folhetos nas caixas de correiros , entregando para quem passa na rua, vamos fazer uma conte simples se um irmão da sua igreja entregar 30 folhetos no minimo em uma semana em um mês são 120 pessoas evangelizadas e eu um ano 1440 pessoas evangelizadas agora mutiplique pelo numero de irmão da sua igreja. Logo o todo o Brasil vai ser evangelizado.
E eu tenho certeza irmão , as pessoas que embarcarem neste projeto comigo serão ricamente abençoadas, pois o trabalho para DEUS não é em vão.

Sds.
Alexandre Farias
www.gapev.blogspot.com
marquesfarias@ig.com.br