terça-feira, 13 de maio de 2008

IGREJA EVANGÉLICA BABEL


Paz!
Paz e graça!
A paz do Senhor!
Bom dia!
Shalom!
Oi!

Quero vos apresentar a Igreja Evangélica Babel. Nela ninguém se entende.

Apesar de se tratar de uma única "denominação", existem mais diferenças do que similaridades entre as suas igrejas locais, estaduais e regionais.

Os mais otimistas chamam isto de pluralidade, outros chamam de diversidade, outros ainda de multiformidade. Os menos românticos chamam de "confusão", "falta de identidade" e até "rebeldia".

Para se ter uma idéia, na Igreja Evangélica Babel, acontece o seguinte:

- Em alguns lugares, no que diz respeito aos usos e costumes (roupas, adornos etc.) vale tudo, em outros vale quase tudo, e ainda há situações onde tudo é proibido.

- No que diz respeito ao culto, em alguns os irmãos dançam, em outros batem palmas, há os que só se balançam e levantam as mãos, e ainda aqueles que até para dar glória a Deus é difícil.

- E na doutrina? Será que pelo menos na doutrina há similaridades na IEB (Igreja Evangélica Babel)? Pior que não. Vejamos:

a) Não existe consenso no que diz respeito ao ministério pastoral feminino (cada um ordena suas pastoras a medida que achar que deva ordenar, não considerando mais as resoluções nem a liderança nacional)

b) A Teologia da Prosperidade encontrou guarida em milhares de "Cultos da Vitória Financeira" espalhados por este Brasil afora (Já temos até Bíblia com comentários para fundamentar teologicamente esta prática)

c) Algumas igrejas da denominação são "biblicocêntricas", enquanto outras "movimentocêntricas".

d) Nesta igreja, o grupo que pede "consenso" em algumas questões, é o mesmo que promove o "dissenso".

e) A disciplina corretiva é aplicada por uns e totalmente negligenciada por outros.

d) No que diz respeito ao ministério pastoral, só se aceita em algumas regiões, pastores que nunca foram divorciados, enquanto em outras já há pastores no terceiro casamento (com as ex-esposas vivinhas, e em alguns casos assistindo o culto na mesma congregação).

Ouvi de um pastor companheiro e amigo, que por sinal me pediu sigilo quanto a sua identidade, uma classificação bastante interessante para a Igreja Evangélica Babel. Ele afirmou que hoje, na Babel, exitem três posturas ou linhas de pensamentos: os conservadores, os progressistas e os liberais. Daí a razão de toda esta confusão, desculpa, quiz dizer diversidade.

A grande diferença entre a Babel de Gn 11.1-9 e a nossa Babel, é que na nossa o Senhor não precisou confundir nada, os próprios homens trataram disto.

Gostaria da compreensão de nossos leitores, para o fato de que não publicaremos comentários neste post com nomes de pessoas nem de igrejas.

Obrigado!

Paz!
Paz e graça!
A paz do Senhor!
Bom dia!
Shalom!
Tchau!

15 comentários:

sandre disse...

Realmente pastor Altair

em nada se tem consenso,
seja em tradições e costumes, doutrinas, em relação a ministérios,
educação cristão.
Uma triste realidade em que vivemos.

Elessandre

Anônimo disse...

MEU QUERIDO E ESTIMADO PASTOR, ALTAIR GERMANO, GOSTEI DE MAIS DESTA POSTAGEM, E VENHO ATRAVÉS DESTE COMENTÁRIO PARABENIZA-LO, PORÉM, QUERIA OUVIR DO SRº UM POSICIONAMENTO COM RESPEITO A ESSE BABENISMO, OU SEJA, UMA SOLUÇÃO PARA ESSE CAOS, POIS QUE PROVEITO TEM O SRº ABRIR AINDA MAIS ESTÁ FERIDA SEM NOS TRAZER UMA SOLUÇÃO, O SRº COMO PASTOR E EDUCADOR CRISTÃO,NOS DEVE UM ESCLARECIMENTO.

NÃO HÁ UM CERTO TEMOR NO SRº EM POSTA COMENTÁRIOS DESTA NATUREZA, POIS DE FATO O BLOG DO SRº IRA SUBIR EM NUMEROS DE ACESSO, MAIS MUITOS CRITÃOS PODEM ESMORECER EM SUAS CRENÇAS E CONVICÇÕES...
UMA ABRAÇO DO SEU SERVO..........

Lucimauro*Assembléia de Deus disse...

A paz de Deus,pastor altair.rs,rs,rs.
Grande reflexão,concordo plenamente com o sr,tá aí um nome que realmente retrata a situação dessa Igreja, BABEL.
Já imaginou se os pioneiros dessa igreja ressuscitassem e vísse essa situação,essa BAGUNÇA,a seita fulano de tal criada a quase cem anos,um ano mais velha que Igreja de Babel continua aí sem divisão até hoje sob uma unidade fora de sério,e ainda a seita fulano de tal,diz que a Igreja Babel saiu da seita fulano de tal,acho que mesmo estando errada, a seita fulano de tal,a Igreja de Babel poderia cá pra nós aprender com a unidade da seita fulano de tal,(1TESS5.21),não é verdade pastor altair?
Acho que os líderes da Igreja de Babel,deveriam tomar vergonha na cara,parar de querer usar o nome da igreja de Babel para ganhar dinheiro e procurar um emprego,já que estão preucupados tanto com dinheiro.
Pastor altair,na minha opinião não tenho dúvida,esse problema de divisão na igreja de Babel nada mais é do que dinheiro.

Anônimo disse...

A Paz do Senhor Jesus, Pr. Altair!
Infelismente é assim que estão nossas igrejas...já não há mais consensso em nada, cada um faz o que quer, isso sem falar nas heresias que adentram em nosa igrejas e muitos a tomam como Doutrina. A Palavra de Deus aos poucos está sendo substituidas pelos chamados "LOUVORZÕES"...essa é que é uma verdadeira Babel!

ALTAIR GERMANO, disse...

meu querido e estimado anônimo, em resposta as suas perguntas:

1. NÃO CHAMARIA DE "SOLUÇÃO PARA O CAOS", MAS DE ATITUDE EM MEIO AO CAOS". DESTA FORMA ENTENDO QUE DEVE-SE NÃO FAZER VISTA GROSSA, DENUNCIAR O ERRO, ENSINAR E PROCURAR VIVER CONFORME A PALAVRA DE DEUS E ACIMA DE TUDO ORAR.

2. EM RELAÇÃO A AUDIÊNCIA DO BLOG, FICO FELIZ DE PODER ABENÇOAR A CADA DIA MAIS LEITORES, COMO TAMBÉM DE SER OBJETO DE CRÍTICA.

3.NÃO CREIO NO ESMORECIMENTO DE CRISTÃOS, VISTO QUE OS ASSUNTOS QUE TRAGO, OS PECADOS QUE DENUNCIO, AS QUESTÕES EM DEBATES, ESTÃO TODAS NA BÍBLIA, CLARAMENTE EXPOSTAS DE GÊNESIS À APOCALIPSE, INCLUSIVE COM A CITAÇÃO DOS PERSONAGENS ENVOLVIDOS. DEUS NÃO JOGA PARA DEBAIXO DO TAPETE A SUJEIRA E O PECADO DO SEU POVO, ELE SEMPRE LEVANTA PROFETAS PARA DENUNCIÁ-LA E CONVOCAR AO ARREPENDIMENTO. LEMBRA DOS PROFETAS DO ANTIGO TESTAMENTO, DAS EPÍSTOLAS PAULINAS, DAS CARTAS DE JESUS ÀS IGREJAS DA ÁSIA.

Ora por mim amado, pois tenho convicções daquilo para o qual jesus me chamou, falo com liberdade e ousadia, no temor do Senhor,cuidando que eu mesmo não venha cair, por que sei de quem tenho recebido.

Um abraço e a paz do senhor!

ALTAIR GERMANO, disse...

Sandre, em meio a isso tudo, procuremos viver dignamente, glorificando em tudo o nome do senhor!

ALTAIR GERMANO, disse...

Lucimauro, o Senhor julgará todas as más intenções daqueles que vivem apenas de aparencia, buscando apenas tirar vantagen para si mesmo das coisas do Senhor.

Pz do Senhor!

Eliel Toledo disse...

Pastor Altair, ótimo postagem, este é um assunto cada vez mais notório, por mais incrível que pareça, em todas estas questões e pluralidades citadas em seu post, muitas ainda não estão bem claras, outras a tempo vem sendo debatida e nunca é bem esclarecido, diante disso continua havendo crítica de ambos os lados, tradicionais, liberais e "progressistas".

Mas por outro lado, creio que estas divergências já estão quase acabando...

Não é JWC nem SC, e sim a volta do Senhor que se aproxima!!

Anônimo disse...

a paz do sennhor, tem algumas igreja que os hinos da harpa cristá quase naõ cantam.

Klauber Maia disse...

Caro Pr. Altair,

Concordo com o prezado irmão, quanto a esta confusão doutrinária que prevalece na atualidade. Isto é ruim e causa confusão na membresia. Creio que falta uma perfeita distinção daquilo que é doutrina bíblica (e, portanto, não pode sofrer variação) e costumes locais ou regras institucionais (que sofrem modificações). Em um país continental, como o nosso, é natural que existam diferenças culturais em lugares diferentes. O que não pode ocorrer é a não observação da doutrina bíblica, conforme está escrito na Palavra de Deus, como se tem visto.
Nao podemos criar amarras nas coisas menores, nem atropelar o que ensina a Bíblia. Creio que é oportuno o conselho de Richard Baxter, grande servo de Deus que viveu no século XVII: “no essencial, unidade; no não-essencial, liberdade; em tudo, caridade”.
Um grande abraço.

Pr. André Luiz disse...

Paz e Graça do Senhor Jesus!
Amado Pr. Altair Germano, ótima postagem, também quero lhe dizer que agradeço a DEUS por ainda ter homens verdadeiros como o amado que não tem medo de denunciar as coisas estranhas que estão acontecendo com as igrejas de hoje, fico muito triste, pois poucos líderes querem acordar para esta realidade que estamos passando, muitos pelo desejo infame de serem reconhecidos ou ficarem famosos neste meio, esquecem dos princípios biblicos que estão acima da mente humana. Continue escrevendo debaixo da unção de DEUS, pois precisamos denunciar os erros bíblicos, para que o sangue dessas pessoas não sejam cobrados pelos nossos.

Deus abençoe!
Pr. André Luiz
www.atalaiasdedeus.blogspot.com

Sóstenis Moura disse...

Este assunto é por demais delicado, a ponto de chegar a ser constrangedor.
No entanto, o que intriga mesmo é saber quem é o "Ninrode" dessa história.

Sóstenis Moura
www.embaixadoressiao.blogspot.com

Elisomar disse...

Engraçado, realmente eu nunca vi de uma mesma fonte surgir dois tipo de água. Isso porque quem fez as fontes foi Deus.E como Deus não criou denominação e sim igreja, daí essa confusão toda. Bom, quanto aos ministros divorciados, acho que só deveria haver impecilhos se o divorcio viesse ocorrer por infidelidade partindo dele. Há doutrinas de homens que fala de uma pulseira que alguém usa, no entanto, quem dá a doutrina muitas vezes não tem o cuidado de observar o que é ordenança de Deus. Ex: Conheço pessoas que não usam certos adornos, mas no são João prepara a mesa repleta de tudo que é alusivo ao santo, até a fogueira. Não estou aqui falando da reunião da família por ser um feriado, e sim da intenção da festa. Tudo que se faça seja para glorificação de Deus. Há muita coisa precisando de uma revisão em nossa denominação, ou seja; uma segunda reforma protestante. rsrs

Esequiel Santos disse...

A Paz do Senhor Pr. Altair!

Ótima a paródia!
Porém, em vez de olhar somente para os "Lauros", prefiro olhar para os "Louros". Apesar de tudo isso, o Senhor continua salvando, curando, batizando no Espírito Santo e levando para o Céu. Acredito que quem instituiu a "Babel" foram os próprios "caciques" com sua sede de poder, utilizando para isso torda sorte de "estratégias" políticas para controlar-se no poder. Porém estamos na era da Tecnologia da Informação, o povo está lendo a Bíblia e tem mais acesso à informações e exigindo muitas vezes posturas éticas vez ou outra rechaçadas pelos caciques que diante de suas falhas, preferem usar o poder outorgado apontando apenas os erros alheios para desviar o foco de suas próprias mazelas.

Ainda bem que nosso Deus ainda transforma a Maldição em Benção.

No amor de Cristo,

Pb Esequiel Santos
São Mateus-Es

PR. JAIR ALVES disse...

MEU QUERIDO É MUITO INTERESSANTE O TEMA, POREM NÃO ESQUEÇA QUE EXISTE A IGREJA LOCAL E A UNIVERSAL, AS FALHAS SEMPRE VAI HAVER, POIS A IGREJA LOCAL É ADMINISTRADA POR HOMENS OS QUAIS SÃO CHEIOS DE FALHAS E DEFEITOS, MAS, VAMOS OLHAR PAR " O AUTOR E CONSUMADOR DE NOSSA FÉ", MAS FICA O AVISO, TITULO DE PASTOR, PRESBITERO, OU QUALQUER OUTRO NÃO É GARANTIA DE SALVAÇÃO, SE NÃO VIVER O QUE PREGA E PREGAR O QUE VIVE, TÁ ERRADO