terça-feira, 1 de abril de 2008

ALTERAÇÕES NO ESTATUTO E REGIMENTO INTERNO DA CGADB

Alguns leitores me enviaram e-mails buscando informações sobre as mudanças no Estatuto e Regimento Interno da CGADB, ocorridas por ocasião da última Assembléia Extraordinária, realizada entre os dias 25 e 28 de fevereiro no Centro de Eventos da Pontifícia Universidade Católica de Porto Alegre. As principais alterações dizem respeito ao processo eleitoral, conforme segue abaixo:

1. Uso de urnas eletrônicas oficias, fornecidas pelo TRE;

2. Fim da lista de 21 assinaturas para chancelar uma candidatura. Dessa forma, qualquer convencional pode se candidatar sem precisar de uma quantidade mínima de apoiantes.

3. O mandato será, a partir das próximas eleições em 2009, de quatro anos, e não mais de dois anos, e com direito a só uma reeleição.

4. A apresentação de candidaturas será até setembro.

5. Ministros consagrados este ano, só poderão votar na eleição do ano que vem se registrados na CGADB até setembro.

Fonte: Mensageiro da Paz, abril/2008.

Um comentário:

silva disse...

bom não muda nada,pois estamos perdendo tempo com discurso e até censurando os que querem fazer alguma coisa como: evangelismo, cruzadas evangelismo,trabalhar com os departamentos da igreja. isto não é politica é igreja DO PAI,DO FILHO e DO ESPIRITO SANTO.estamos perdendo os membros para o proselitismo religioso é isto querem. muitos autores,compositores e tradutores da harpas cristãs tenham misericordia deles. e os fundadores fizeram isto de brincadeira.defendo eles pois não estão vivos. o estatuto foi criado pra que?