quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

E POR FALAR EM CONSCIÊNCIA MORAL...

Consciência, no aspecto moral, é a capacidade que o homem tem de conhecer não apenas valores e mandamentos morais e aplicá-los em diferentes situações.

A consciência moral tem alguns pressupostos que são a consciência psicológica que tem dentro de si, o outro, a realidade, a trancedencia e a si mesmo. A consciência moral supõe uma hierarquia de valores, e também de uma finalidade do acto seja ele bem ou mal. Ela consiste na capacidade do ser humano observar a própria conduta e formular juízos sobre os atos passados, presentes e as intenções futuras. E depois de julgar, o homem tem condições de escolher, dentre as circunstâncias possíveis, seu próprio caminho na vida. (Fonte: wikipédia)

No caso do cristão, os valores e mandamentos morais fundamentam-se na santa e imutável Palavra de Deus.

E por falar em consciência moral cristã, como anda a nossa?

Um comentário:

Elisomar disse...

Só é possível avaliar a nossa conduta moral, quando deitamos sem sono, e a nossa mente não nos acusa de nada. E isso só funciona para aqueles que ainda temem a Deus, e faz uso da razão: porque o homem que não teme, vira bicho.