terça-feira, 6 de novembro de 2007

ROUPA SUJA SE LAVA EM CASA?

Minha resposta para a indagação feita no título deste post é a seguinte: depende!

Há roupas sujas que se lavam em casa, outras em lavanderias, outras em rios, açudes, ribeiros, riachos e por aí se vai.

Essa expressão geralmente significa que alguns assuntos privados devem ser tratados de forma privada. Até concordo com este ponto de vista. Mas, e quando a sujeira se torna pública? Minha opinião é que "roupa suja" que se torna pública deve ser lavada publicamente.

Na Bíblia, a roupa suja de Adão, Abraão, Isaque, Jacó, Moisés, Sansão, Saul, Davi, Salomão, dos demais reis de Israel e Judá, de profetas, dos apóstolos e outros dignos personagens foi lavada publicamente.

"Lavar roupa suja" deve ser entendido como "passar a limpo", esclarecer os fatos, informar com a máxima precisão e isenção possível.

Nesta perspectiva, além de outros propósitos, com temor e tremor afirmo que este blog existe para "lavar roupa suja".

7 comentários:

Elian Soares disse...

Paz, Pr. Altair Germano,

Concordo com o senhor. Enquanto o fato está sendo processado em sigilo, assim deve ser resolvido. Quando se torna público, creio q o público deve saber o desenrolar e a conclusão do caso, visando a transparência.

Se eu souber de um escândalo e não souber a forma como foi resolvido, ficarei com uma má impressão!

Principalmente no meio evangélico, os assuntos devem ser tratados com justiça e transparência. Infelizmente, não é o que se vê ou que se ouve!

Deus continue abençoando vosso ministério! Diariamente estou conferindo as notícias no vosso Blog e nos demais blogueiros evangélicos.

Elizeu Rodrigues dos Santos disse...

Que bom seria...

Que nossas lideranças assembleianas tivessem essa visão colocada nesta matéria. Paulo ensina:"Se eles (pastores, evangelistas, presbíteros) errarem, coloque eles na frente, mostre o que fizeram de errado, e que confessem, para que os pequeninos tenham temor". Pena que continuam existindo as cartas que mês a mês são apresentadas em reuniões, para, como na política, os que erraram tenham o direito de disputar novas eleições, e voltarem, com mais força do que quando saíram. Quando isso vai acabar? Não sei. Mas uma nova reforma reformadora protestante não tarda por aparecer.
http://sementetransgenicadoevangelho.blogspot.com/
Elizeu Rodrigues dos Santos
Fiquem na paz de Cristo

Victor Leonardo Barbosa disse...

Parabéns pela coragem pastor Altair, concordo com a sua opinião, é necessário lavarmos a roupa suje e tirarmos a trave de nosso olho.

Pois muitas vezes acabamos aceitando aquele ditado: "pimenta nos olhos dos outros é refresco"!
Mas e a nossa roupa suja??? e os nossos olhos???

menssageiro disse...

somos do blog menssagens especiais
e como grande alegria estamos aqui em seu blog para conidalo a fazer parte do nosso roal de amigos.
poemos fazer uma parceria

Carlos Roberto Silva, Pr. disse...

Caro Pastor Altair!
A Paz do Senhor!
Concordo plenamente com sua fala de que cada caso é um caso e depende das circunstâncias.
Concordo ainda com o comentário de Elian Soares.
Se virou escândalo, é necessário vir a público e ter as explicações necessárias.
Essa é uma dura realidade que tem que ser encarada de frente.

Eliseu Antonio Gomes disse...

Pr Altair

Parafraseando o apóstolo Paulo, todas as coisas são lícitas mas não são todas edificantes; todas as coisas são lícitas mas não nos prendamos a elas.

E há quem esteja preso ao costume destrutivo de pré - julgar a tudo e a todos. Julgamentos sumários não agradam ao Senhor...

Essa frase de que roupa suja se lava em casa tem a ver com o bom hábito de não escandalizar. Por quê dar escândalos e se arriscar em fazer outros tropeçarem?

Concordo que algumas coisas e assuntos devem ser tratados no frescor do momento, porém, em termos: Roupa suja em público só no caso daquelas roupas que possam ser mostradas sem macular a honra.

Deixemos as roupas íntimas para a intimidade... Filipenses 4.8 serve de meditação neste assunto.

Abraço.

Elisomar disse...

È, como não podemos usar roupa descartáveis a vida toda, o ideal é que tenhamos o cuidado de que a sujeira de nossas roupas sejam expostas. Porque se enfurecer porque alguém viu ou comentou, não vai adiantar muita coisa. E nem todos têm o privilégio de ter uma lavadeira de confiança, né?
'Quem está em pé, cuide que não caia...